Reparação socioeconômica no contexto do desastre ambiental do Rio Doce – MG/ES

Apoiamos a construção e aprovação das “Políticas Sociais e Indenizatórias” para o aceleramento da reparação socioeconômica dos atingidos e a retomada do desenvolvimento sustentável da região impactada pelo rompimento da Barragem de Fundão em Mariana, MG. Trabalhamos juntamente com especialistas visando ao assessoramento estratégico gerencial e suporte operacional em atividades de indenização, auxílio financeiro, cadastro integrado e curadoria de impactos.

O que fizemos

  • Auxiliamos no gerenciamento da crise;
  • Contribuímos na criação de um plano integrado para o atendimento da população, com soluções voltadas para suprir carências específicas de acordo com os impactos territoriais sofridos pelo rio;
  • Analisamos o contexto do impacto e das dinâmicas das atividades produtivas dos atingidos, especialmente pescadores, agricultores, indígenas, quilombolas, comerciantes, entre outros a serem indenizados;
  • Facilitamos a construção das metodologias e o planejamento da aplicação de regras e critérios para operacionalização das ações de indenização;
  • Prestamos apoio no desenvolvimento do desenho conceitual do processo de monitoramento da reparação, implementando soluções sistêmicas que atendiam ao Programa de Cadastro e Indenização dos atingidos.

Onde chegamos

  • Apoiamos a criação da Sala de Gestão Integrada para a revisão, detalhamento e implementação estratégica dos processos das soluções indenizatórias;
  • Contribuímos para a otimização do processo de indenização da população atingida;
  • Prestamos o suporte na implementação da retomada das atividades produtivas.

Com quem caminhamos

  • Atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão dos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo;
  • Equipe técnica e executivos da Fundação Renova.

Veja mais programas