Notícias

Boas notícias vindas da Amazônia

Assembleia Geral realizada no Bailique define Plano de Safra de 2022 e aprova Planejamento Estratégico de longo prazo

Nos dias 28 e 29 de janeiro aconteceu a 6ª Assembleia Geral Ordinária da Cooperativa AmazonBai na comunidade Arraiol, no Bailique (AP) e contou com a presença de produtores e produtoras de açaí do Bailique e Beira Amazonas, colaboradores e instituições parceiras, respeitando todos os protocolos de segurança e prevenção à COVID-19. 

Os consultores do Instituto Interelos auxiliaram no planejamento, organização e estiveram presentes no evento da cooperativa, que vem ganhando maturidade empresarial e autonomia de processos ao longo dos anos. Uma prova disso foi o grande momento de inauguração da agroindústria para o processamento de açaí ocorrida no final do ano passado. 

A programação incluiu a apresentação da Prestação de Contas de 2021, a aprovação do Planejamento Estratégico para 2021-2031, da Política de Salvaguarda e do Plano Safra de 2022 e momentos mais descontraídos com atividades socioculturais com o intuito de que unir os participantes, compartilhar histórias com muita música e futebol, em clima de confraternização.

Amiraldo Picanço, presidente da AmazonBai, relata a importância de um planejamento estratégico para focar nas metas e alinhar as expectativas para os próximos anos:

“A nossa assembleia foi muito produtiva, nos organizamos para fazer a aprovação do planejamento estratégico, que foi discutido durante vários meses internamente e depois feita a consulta aos cooperados, os resultados foram bem positivos na aprovação. Esse planejamento faz a gente enxergar e planejar melhor todos os nossos objetivos mais na frente.”

Na ocasião, também foi apresentada a Política de Salvaguarda, um plano importante para a gestão da AmazonBai, pois define normas de condutas e procedimentos que envolvem a minimização dos riscos de qualquer forma de abuso ou violação dos Direitos Humanos. A aprovação por unanimidade se deu após muito diálogo, levando em consideração, sobretudo, a questão das mulheres, dos jovens e das crianças dentro do território. 

Outra pauta aprovada com unanimidade pelos cooperados foi o Plano Safra de 2022, que organiza a produção do açaí para todo o ano, especificando, entre outros pontos, o valor a ser pago pela lata do açaí, a quantidade a ser vendido à cooperativa por cada produtor, a periodicidade e a complexa logística da entrega do produto. Para auxiliar nos cálculos, o Instituto Interelos deu suporte no estudo técnico a fim de entender a quantidade de açaí com a qual a fábrica consegue operar, a quantidade de açaí que precisa ser comprada, qual o prazo estimado que se espera vendê-lo e quanto sobra, para assim chegar ao valor do produto a ser comercializado e nas metas almejadas.

Amiraldo aposta que 2022 será um ano muito produtivo com o engajamento dos cooperados e a união com parceiros importantes. “O Instituto Interelos vem nos ajudando a planejar e organizar todo o processo de gestão da AmazonBai e também temos outros institutos parceiros que nos assessoram com a questão da certificação, além de outros apoios”, diz ele, animado com o potencial de desenvolvimento de outras cadeias produtivas no território, como o murumuru e andiroba. 

Expectativas alinhadas, metas no papel e muito trabalho pela frente. Foi assim que se encerrou a Assembleia Geral da AmazonBai, um encontro que aproximou as pessoas da cooperativa com objetivos comuns de fortalecer seus negócios sociais, continuar zelando pelo respeito ambiental e, por fim, ganhar cada vez o mercado nacional.

Últimas notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *